Aprenda a poupar!

Hoje em dia, todo mundo quer investir, fazer o dinheiro render é isso não está errado. Mas O primeiro passo é conseguir poupar pra só depois você olhar onde vai aplicar seu suado dinheiro, pra não perder dinheiro deixando na poupança, não é pessoal? (Já falamos isso aqui em um dos posts pra trás)

Para começar a poupar você precisa com urgência, determinar uma % por mês que guardar a partir de hoje e tratá-lo como uma despesa. Sim! O considere tão importante quanto as compras de supermercado, de luz, telefone etc. Como sugestão, os solteiros deveriam poupar 30% e os casados 10%, no mínimo! Já está usando a planilha? Não da pra controlar sem anotar! Eu garanto que seus resultados vão ser melhores quando você aprender essa prática. #ficaadica #cuidedasuagrana #finançaspessoais #investimento from Instagram: http://ift.tt/1W3vqD1

Política X Nosso bolso

É inegável que todos os brasileiros vivem, especialmente essa semana, ansiosos para saberem o que está por vir comas decisões que serão tomadas em Brasília. Fato é que todas as atenções estão voltadas para o cenário político, especialmente o mercado financeiro. Essa semana será decisiva para o processo de impeachment, que tem votação prevista para o próximo domingo.

E o nosso bolso? Como fica? No primeiro momento, vem um sentimento de alívio e conseqüente confiança na retomada da economia com novas idéias dos novos governantes, independente de quem vem ou fica (não estou dizendo que concordo ou não, e sim a realidade). Com isso, nos tornamos mais atrativos para os investidores estrangeiros que por sua vez colocam seu dinheiro aqui no Brasil, fazendo com que a oferta de dólar aumente para a mesma demanda da moeda, o que deve fazer com que o nosso Real se valorize frente ao dólar. Enganou-se quem pensou que isso só ajudaria aos “viajantes de plantão”, o valor do dólar influencia e muito nosso bolso, porque impacta diretamente a inflação, que tende a recuar.

Quem tem perfil investidor, deve tomar ainda maiscuidado durante esses dias. Afinal, o mercado financeiro apresenta grande instabilidade e pode alterar seu quadro completamente. Toda essa movimentação repercute diretamente sobre os preços dos ativos brasileiros, especialmente sobre as ações negociadas na Bolsa. Cada notícia pressupondo a troca de governo é considerada na cotação das ações.
Com um novo governo, passa a existir outras possibilidades para a retomada da economia, o governo atual parece não achar um saída se não usar todo o recurso para se manter no poder. A redução da taxa de juros é uma provável conseqüência, a privatização, reformas estrturaise o principal, o retorno dos investimentos, a partir de um novo começo, renova-se as esperanças. Mas, tudo não basta de especulações. Vale o alerta, considerando que o mercado está muito vulnerável.
Vale a pena continuar com os cintos apertados! Segundo as novas projeções do Fundo Monetário Internacional – FMI, a economia brasileira encolherá 3,8% em 2016, terá crescimento nulo em 2017. #cuidedasuagrana from Instagram: http://ift.tt/1SaVt8A

Não dá pra pagar tudo. O que devo priorizar?

Se você realmente tiver que escolher entre uma coisa e outra, deixe de pagar tudo aquilo que for supérfluo.
A dúvida da maioria das pessoas normalmente é o que são estes gastos supérfluos. Isso é o que cada um precisa discernir, entre o que é necessário e o que não é. Pra muitos, internet em casa é necessário, pra outros não, pra alguns até um carro pode ser um bem dispensável, já pra outros é a única forma de locomoção. Ou seja, o que você precisa de fato saber é PRA ONDE ESTÁ INDO SUA GRANA, e a partir disso reduzir seus gastos com as despesas que precisam e podem ser diminuídas. Atenção para aqueles casos de pessoas que dizem que alimentação não pode ser uma despesa supérflua, mas todos nós sabemos que muitas vezes PODE ser sim, há várias maneiras de se gastar menos com alimentação sem comer menos.
Nunca despreze pequenos valores. Considere a poupança como uma despesa a mais por mês. E se organize. Não deixe de pagar a fatura do cartão, já falamos aqui que os juros são absurdos. O ideal é que você pague tudo que possa gerar juros e corte aquilo que não tem necessidade naquele momento. #ficaadica #cuidedasuagrana #diogoesuagrana from Instagram: http://ift.tt/1qmZiOz

Participação nos lucros: não comprometa dinheiro ganho como bônus!

Uma ou duas vezes ao ano (em alguns casos pode ser até mais), algumas empresas costumam pagar aos seus funcionários a famosa PLR – Participação nos lucros e resultados. Isso funciona como um bônus, como algo a mais. Trata-se de pagamento de natureza não salarial que é ofertado pelo empregador e negociado com uma comissão de trabalhadores da empresa de acordo com o resultado (LUCRO) da empresa que este trabalha.
Porém, em virtude da crise financeira que vivemos em nosso país, o resultado de muitas empresas não estãosendo mais positivos e por isso, esse benefício acabou sendo cortado delas.O que acontece é: muitos funcionários, acostumados a receber esse dinheiro “extra”, acabam assumindo compromissos e contando com ele. E o dinheiro não veio (e a tendência é que não venha pros próximos 2 anos, dependendo de cada segmento e do que acontecer na nossa política). E agora?
Você precisa ter a consciência de que dinheiro extra é para gastos extras. Não se pode fazer uma dívida contando com um bônus que não seja cem por cento seguro de receber. Tome cuidado! Fique atento! Controle suas despesas mensais de acordo com sua remuneração fixa (quem não recebe um salário fixo, por exemplo, no caso dos corretores que cada mês recebe um valor, sugiro se planejar gastar a média dos seus últimos 3 “salários). Não conte com um dinheiro vindo de benefícios. Esse dinheiro pode e deve ser usado para quitar alguma dívida pendente, e caso você não tenha nenhuma, use para comprar algo que você já estava se planejando, para um passeio diferente e por que não, investir?#ficaadica #cuidedasuagrana #finançaspessoais #diogoesuagrana from Instagram: http://ift.tt/1RMeNXs