Declaração do IRPF – Não deixe pra última hora!

Termina dia 28 de abril o prazo para declaração do Imposto de Renda 2017. As pessoas que enviarem a declaração o quanto antes, sem erros, omissões ou inconsistências, também recebem mais cedo as restituições, que começam a ser pagas em geral a partir de junho.  Idosos e deficientes têm preferência na hora de receber suas restituições.

Quem deve declarar?

– Pessoas físicas residentes no Brasil que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$28.559,70 ano ano base (2016), cerca de R$2.200 por mês;

– Os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado;

– Quem obteve ganho de capital na venda de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

– Quem tiver a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terras, de valor total superior a R$300 mil, também deve declarar IR neste ano;

– Contribuintes que passaram à condição de residente no Brasil, em qualquer mês do ano passado;

– Quem optou pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital aferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja destinado à aplicação na aquisição de imóveis residenciais no Brasil;

– Quem teve, no ano passado, receita bruta em valor superior aos R$142.798,50 por meio de atividade rural.

Se você se encaixa nos requisitos para fazer a declaração do Imposto de Renda 2017, entre no site da Receita Federal e baixe o programa de declaração. Fique atento às instruções e não omita informações para que você não caia na malha fina. Quem já sabe que precisa pagar, se organize e separe pelo menos a média do valor que você costuma pagar (você pode deixar pra enviar a declaração no final do prazo, mas não deixe pra prepará-la no final). Quem tem dinheiro a receber, use-o para quitar possíveis dívidas e jamais faça novos compromissos contando com esse dinheiro. Caso você não esteja devendo nada, use essa grana para investir em você, quem sabe melhorar uma aplicação, e por aí vai.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.